Tem sabor de infância

26/01/2015

Já reparou como as pessoas que nasceram em décadas passadas sempre acham que tudo era melhor antigamente? E como bons nostálgicos viciados em doces, não podíamos deixar de falar de algumas guloseimas que deixaram um buraco dentro de nossos pobres corações (e estômagos).

 

Chocolate da Turma da Mônica

Se ler os gibis de Maurício de Sousa já era uma diversão só, imagine a sensação de devorar os quadrinhos acompanhado por um tablete de chocolate branco e ao leite de seu personagem preferido... Achou que não tem nada de mais? Isso é por que você não sabe como era bom comer todo chocolate ao leite e deixar o chocolate branco só para o final!

Chocolate Mania

Apesar do slogan “Proibido para Adultos”, esse chocolate comercializado em dois sabores, morango e uva, alegrava todas as idades. A saudade é tanta que existe até um manifesto na internet para o seu triunfal retorno. #voltaMANIA 

 

Pirocóptero 

Com hélices de várias cores, esse pirulito foi um grande sucesso das  brincadeiras de infância. Vai dizer que você nunca quis ter a coleção completa... para perdê-la logo em seguida (afinal perder os pirocópteros era uma das coisas mais fáceis do mundo).  

 

Guaraná Caçulinha Pokémon

Numa época em que todos queriam ser o Ash, colecionar a miniatura de pokémons nos aproximava do sonho de quem sabe, um dia, sair de casa com uma mochila nas costas para seguir os caminhos do garoto da cidade de Pallet. E como explicar a decepção de esperar por um Jynx ou Mewtwo e tirar um Jigglypuff?

 

Tazo

Não bastava comer os salgadinhos para conquistar esses pequenos discos que equivaliam a ouro na nossa mão. Para ser bom mesmo, seu porta-tazo tinha que estar cheio! E para ganhar, dá-lhe disputas acirradas com os amiguinhos. E não podíamos esquecer que um tazo brilhante equivalia a cinco dos comuns, hein?!

 

  

E você, se lembra de mais algum doce ou brinde que tenham marcado sua infância? Deixe um comentário. :)